Home
Quem é Emiliano
Mandato
Livros
Imagens
Artigos
Notícias
Boletins
Na Imprensa
Galeria F
Contato

 

Nº 36 - novembro/2003 – (71) 3115-7139/3115-7073 Fax 3115-4093

Emiliano faz palestras na Itália e na França

O deputado Emiliano José (PT) seguiu dia 22 de novembro para a Itália. Convidado pela Província de Firenze, fará o lançamento de seu livro “Don Renzo Rossi: un prete fiorentino nelle carceri del Brasile”, título da edição italiana de “As asas invisíveis do padre Renzo”. O evento será realizado dia 5 de dezembro, às 17h30, na sede do governo, Palazzo Médici Riccardi, Via Chiasa San Lorenzo. Na programação, está prevista uma conferência de Emiliano José, na Sala Lucca Giordano, com auditório para 500 pessoas. Antes mesmo do lançamento, o livro já está em terceiro lugar em vendas, segundo informações da Edizioni San Paolo, a maior editora católica do mundo, presente em 30 países. Como parte da programação, Padre Renzo receberá da Província de Florença o prêmio Solidariedade como reconhecimento por sua trajetória de vida a favor dos excluídos.
O site da editora apresenta Emiliano José como “giornalista, scrittore e docente universitário” e ressalta que o prefácio foi escrito por Frei Betto, frade dominicano preso na ditadura militar e hoje Assessor Especial do Governo Lula. Além de quatro palestras na Itália, Emiliano vai fazer uma conferência no Instituto de Urbanismo de Paris, a convite do Coordenador de Conferências da instituição, Georges Knaebel, no dia 12 de dezembro, sobre problemas urbanos da capital baiana, especificamente sobre a multiplicação de condomínios que formam verdadeiros enclaves privados no espaço urbano, a decadência dos centros e a insegurança pública. A arquiteta Maria José Malheiros, que já morou em Salvador e hoje é funcionária da prefeitura de Paris, será a tradutora e Agustín Trigo, urbanista da CONDER que está estudando no Instituto de Urbanismo de Paris, será debatedor. Emiliano José vai representar oficialmente a Assembléia Legislativa da Bahia.

INCENTIVO À CAPOEIRA DO BRASIL

A Secretaria Nacional de Esporte Educacional, órgão do Ministério do Esporte, comunicou ao deputado Emiliano José, que foi acatada sua proposta de reconhecimento da capoeira como esporte genuinamente nacional e que já está em curso a elaboração de um plano nacional de política pública para a capoeira, no mesmo espírito do projeto-de-lei apresentado pelo deputado na Assembléia Legislativa da Bahia. Essa proposta vem sendo defendida pela Associação de Capoeira Kilombo da Bahia. A decisão foi comunicada ao deputado pelo Secretário Adjunto de Esporte Educacional, Alcino Reis.

AUDIÊNCIA PÚBLICA HOMENAGEIA ILÊ AIYÊ

No dia 19 de novembro, no Museu Eugênio Leal, Pelourinho, na véspera da Caminhada da Liberdade promovida pelo Fórum de Entidades Negras da Bahia, a Comissão Especial para Assuntos da Comunidade Afrodescendente (CECAD), da Assembléia Legislativa da Bahia, sob a presidência do deputado Emiliano José, promoveu uma Audiência Pública em homenagem aos 30 anos do bloco Ilê Aiyê. Da mesa participaram o presidente do bloco Male Debalê, Jocélio Araújo, João Jorge do Olodum, Antônio Carlos dos Santos (Vovô) e Dete Lima, filha de Mãe Hilda, a Ialorixá do Ilê Axé Jitolu, além de Alaíde do Feijão e dos professores Jaime Sodré e Olímpio Serpa. Também estiveram presentes a vereadora Valquíria Barbosa, a diretora do Ilê, professora Maria de Lourdes Cerqueira e o diretor do Bloco Os Negões, Walmir França, também assessor da CECAD..

O que eles disseram:

Antônio Carlos Vovô:
“Quando me perguntam quem sou eu, respondo que sou um negro que fugiu do controle, porque se a escravidão passou, seus efeitos permaneceram e, além do racismo disfarçado de nossa sociedade, existe a escravidão mental contra a qual tem lutado o Ilê nestes 30 anos, através da cultura, da educação, da religião, das raízes ancestrais e da música que fala da beleza do negro e com isso transformando a sociedade”.

Deputado Emiliano José:
“Me impressiona a caminhada do Ilê Aiyê, que em 1975 saiu às ruas com pouco mais de 80 integrantes, cercados por 200 policiais para conter a “subversão”, em tempo de ditadura Geisel, ao Ilê de hoje, respeitado pela revolução no Carnaval e também por seu projeto pedagógico e cultural, depositário da tradição de resistência do povo negro”.

Dete Lima:
“Em nome de Mãe Hilda, que é a força fundadora do Ilê Aiyê, agradeço essa homenagem da Comissão Especial para Assuntos da Comunidade Afrodescendente, da Assembléia Legislativa, e peço para todos a proteção e as bênçãos de Obaluaê, Oxum e Oxalá”.

Jaime Sodré:
“Aprendi que a grande força do candomblé é a mulher negra. A repressão caía sobre os terreiros porque sendo a líder, negra e mulher, a resistência era multiplicada, profunda, astuta, porque vinha de um ser que gerava a vida. Por isso Mãe Hilda deve sempre ser vista como exemplo e modelo. É o segredo do Ilê Aiyê. Também quero registrar que o Ilê, embora jovem, já tem ancestrais que nos guiam, como Apolônio de Jesus e Paulo Bonfim”.

Jocélio Araújo:
“Vejo o Ilê como o Zumbi dos Palmares que quebrou a corrente segregacionista no Carnaval e nos costumes, a grande matriz da transformação cultural, política, da afirmação da raça negra, que deu origem ao Malê Debalê, ao Olodum e a tantas outras organizações afrodescendentes”.

Olímpio Serpa
“A história do Ilê Aiyê está ligada à luta pelo direito à memória do povo negro vindo da África. Conheci Mãe Hilda subindo a Serra da Barriga, em Alagoas, montada no lombo de um burro, na década de 70, em busca da preservação da memória do Quilombo dos Palmares. Essa tem sido a luta do Ilê e esse é o sentido da Caminhada da Liberdade”.

João Jorge, do Olodum
“Não podemos mais esperar O futuro chegou, a democracia veio, andamos nas ruas e não sentimos a igualdade. Vim aqui prestar minha homenagem ao Ilê Aiyê e dizer o quanto ele foi importante para minha formação, minha cidadania. E reafirmar minha vontade de caminhar juntos na luta contra o racismo”.

POETA BAIANO GANHA COMENDA DA PAZ

“Confraria dos Poetas gaúcha premia poema censurado e apreendido à época da ditadura militar”. Essa é a manchete completa. No ano de 1985, quando uma ala esquerda do PMDB da Bahia, formada por ex-presos políticos, decidiu lançar o jornalista Emiliano José, pela segunda vez, como candidato a deputado estadual nas eleições de 1986, no Comitê Eleitoral estavam, à disposição dos voluntários, algumas dezenas de exemplares do livro de poemas “O Som dos Cavalos Selvagens”. Vender o livro era uma forma de “fazer finanças” para a campanha, mas havia muito de simbolismo no gesto. Com capa do artista plástico Chico Liberato, era uma obra de protesto contra a ditadura militar, e sua divulgação em 1971 custou ao autor, Adelmo Oliveira, prisão, interrogatório e confisco de quase toda a edição. Daí em diante o poeta e advogado passou a ser perseguido pela repressão. Em 1975, acabou seqüestrado pelos militares, interrogado em local ignorado e levado à presença do general Adyr Fiúza de Castro, então comandante da VI Região Militar, numa tentativa de intimidação. Até hoje os registros oficiais do fato estão sonegados pelo sistema militar.

Agora, em outubro de 2003, o mesmo poema “O Som dos Cavalos Selvagens”, levou a Ordem da Confraria dos Poetas, uma entidade gaúcha com 2.700 personalidades da área literária, a homenagear Adelmo Oliveira, ex-deputado estadual (1978-1982) com a Comenda da Paz, um Diploma de Mérito Internacional Humanitário e a incluí-lo na antologia Manifesto à Paz Mundial, que reúne trabalhos de 59 poetas brasileiros, numa edição da Shan Editores, sediada em Porto Alegre. A decisão foi tomada por um júri constituído por escritores, poetas e professores da Faculdade de Letras da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Como disse a jornalista Regina Coeli, em sua coluna “Nomes”, no jornal A Tarde: “Nada como um dia atrás do outro”.


Boletins 2002 campanha

Outros Boletins

Boletim 159
Reunião Plenária de Emiliano dia 22 de julho
Boletim 158
Samuel Celestino comenta campanha de Emiliano
Boletim 157
Sargento PM aterroriza em Guaratinga
Boletim 156
Bebês morrem por negligência em Jequié
Boletim 155
Justiça condena jornal da família de ACM
Boletim 154
Muita insegurança na Bahia
Boletim 153
Sindicatos da CUT lançam Revista do Brasil
Boletim 152
Paulo Souto (PFL) processa Emiliano (PT)
Boletim 151
São Francisco do Conde: renda milionária, povo pobre
Boletim 150
Carmem, a nova porta-voz de Paulo Souto
Boletim 149
Justiça acolhe queixas-crime de Emiliano contra jornalista e deputado carlista
Boletim 148
Jovens petistas se unem a Emiliano
Boletim 147
Emiliano na campanha O BRASIL PRECISA DA CAIXA
Boletim 146
Prefeita do PL baiano frauda a Previdência
Boletim 145
Revista Carta Capital quebra o silêncio da mídia e publica grave denúncia de Emiliano contra ACM
Boletim 144
Publicitário testa-de-ferro do senador ACM controla dois portos na Bahia
Boletim 143
Ilê Axé Alaketú Oya Mimi promove cidadania
Boletim 142
E a revitalização do São Francisco?
Boletim 141
Homenagem a Ana Montenegro
Boletim 140
Turma da UNEB homenageia Emiliano
Boletim 139
Souto discrimina de novo 25 mil servidores
Boletim 138
Nova carta aos militantes do PT
Boletim 137
Prejuízo da PREVI envolve Paulo Souto, ACM e FHC
Boletim 136
Governador da Bahia tenta intimidar PT
Boletim 135
Emiliano José (PT) foi dedurado na CPMI dos Correios
Boletim 134
Emiliano escreve aos militantes petistas
Boletim 133
Assassino de Natur está recolhido à prisão
Boletim 132
Dia 4 de fevereiro, festa no Clube dos Médicos
Boletim 131
Dia 4 de fevereiro, festa no Clube dos Médicos
Boletim 130
Deputada do PPS escandaliza portadores de deficiência
Boletim 129
Senador baiano defende calote nos direitos autorais
Boletim 128
Caixa 2 financiou 14 deputados federais baianos
Boletim 127
Jornal de ACM ataca deputado Emiliano
Boletim 126
Assembléia censura discurso de Emiliano
Boletim 125
Deputado quer proibir carvão no São Francisco
Boletim 124
Tarefa principal do PT é reeleição de Lula
Boletim 123
Emiliano será candidato a deputado federal
Boletim 122
Título de Cidadão Baiano para Bob Fernandes
Boletim 121
Bahia pode ter ato contra cassação de Zé Dirceu
Boletim 120
Polícia Militar atira contra Igreja em Itapuã
Boletim 119
Ensino obrigatório de História Afro-Brasileira
Boletim 118
Emiliano lamenta falecimento de Yolanda
Boletim 117
Contrato do Bradesco com governo é ilegal
Boletim 116
Revista denuncia dinheiroduto baiano
Boletim 115
Bahia reduz recursos para rio São Francisco
Boletim 114
500 mil votos revelam que coveiros do PT falharam
Boletim 113
Policiais dizem SIM à proibição das armas
Boletim 112
Emiliano quer diálogo de Lula com bispo de Barra
Boletim 111
Sinjorba, OAB e igrejas relembram Herzog
Boletim 110
Emiliano continua a contar a saga da Galeria F
Boletim 109
Campanha Primavera pela Vida
Boletim 108
PT deu um soco na cara da direita raivosa
Boletim 107
PFL está com o porco nas costas
Boletim 106
França constata poluição em Santo Amaro
Boletim 105
Baianos de Salvador apóiam Lula
Boletim 104
Ex-presos políticos homenageiam Padre Renzo
Boletim 103
41 anos da Feira de São Joaquim
Boletim 102
Emiliano assaltado na BR 116
Boletim 101
Para quem tem memória curta
Boletim 100
Para quem tem memória curta
Boletim 99
Missa em Memória de Elenaldo Teixeira
Boletim 98
PT da Bahia divulga Nota Pública
Boletim 97
Emiliano assume presidência do PT baiano
Boletim 96
Moção de Pesar por Gastão Pedreira
Boletim 95
Site de alunos da FTC conta história de luta de Emiliano
Boletim 94
Prêmio Jaime Wright de direitos humanos
Boletim 93
Universitários baianos pressionam parlamentares
Boletim 92
UFBA quer maternidade de primeiro mundo
Boletim 91
Clodomir Morais faz palestra na UFBA
Boletim 90
Cartilhas politicamente corretas
Boletim 89
Imbassahy fez a desova e viajou para Miami
Boletim 88
Campanha sórdida contra o governo Lula
Boletim 87
Presidente de Angola recebe Emiliano
Boletim 86
Presidente de Angola será Cidadão Baiano
Boletim 85
Patrícia Pillar vai viver Zuzu Angel no cinema
Boletim 84
Homenagem ao craque de futebol Sócrates
Boletim 83
Até dia 17 você pode votar no site de Emiliano
Boletim 82
Site de Emiliano em campanha eleitoral
Boletim 81
Acesse o site de Emiliano e dê o seu voto
Boletim 80
Arquivos que a ditadura não pôde esconder
Boletim 79
Ministros virão para lançamento do livro de Emiliano
Boletim 78
Emiliano lança novo livro dia 17 de março
Boletim 77
Projeto de Emiliano quer resgatar quilombos da Bahia
Boletim 76
CGU descobre fraudes em Serra do Ramalho
Boletim 75
Fraudes em mais três municípios baianos
Boletim 74
Aumenta pressão para abrir arquivos da ditadura
Mais Boletins

 
 
Quem é Emiliano l Mandato l Livros l Imagens l Artigos l Notícias l Contato
Assine nosso livro de visitas
Copyright © 2000-2003 Emiliano José - Todos os direitos reservados